quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Bolsonaro diz que posse de armas é o início de um processo para assegurar o direito à legítima defesa

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O presidente Jair Bolsonaro respondeu aos que argumentam que a posse de armas, que ele garantiu por decreto, não resolve o problema da segurança pública. Bolsonaro disse: “Muitas falácias sendo usadas a respeito da posse de armas. A pior delas conclui que a iniciativa não resolve o problema da segurança pública. Ignorando o principal propósito, que é ‘iniciar’ o processo de assegurar o direito inviolável à legítima defesa. Para a infelicidade dos que torcem contra, medidas eficientes para segurança pública ainda serão tomadas e propostas. Os problemas são profundos, principalmente pelo abandono dos governos anteriores. Mal dá pra resolver tudo em 4 anos, que dirá em 15 dias de governo”.

Em frente ao STF, Major Olímpio critica decisão que impede voto aberto e faz apelo ao Brasil

Presidente do BNDES explica como abrirá a ‘caixa-preta’ do banco

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai explicar nesta sexta-feira (18), em comunicado, o novo modelo de apresentação, no site da instituição, dos 50 maiores contratos de financiamento do banco. O modelo está sendo preparado pela equipe técnica da instituição. Parte das informações já está disponível na página do BNDES, mas o presidente Joaquim Levy quer que elas sejam ainda mais transparentes, conforme afirmou na transmissão de cargo na quarta-feira passada (9). "Já é uma virtude bastante enraizada na instituição e se desenvolverá ainda mais”, disse. A intenção, segundo ele, é focar cada vez mais nessa agenda, facilitando a apresentação dos dados disponíveis à população.

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Presidente da Argentina diz que Maduro é ditador e reconhece Assembleia Nacional como detentora do poder

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
Durante sua visita ao Brasil, em cerimônia ao lado do presidente Jair Bolsonaro, o presidente da Argentina, Maurício Macri, condenou a ditadura de Nicolás Maduro na Venezuela e reconheceu a Assembleia Nacional como única instituição legítima no país. 

Vice-presidente dos EUA manifesta apoio ao presidente interino da Venezuela e à Assembleia Nacional contra Maduro

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O vice-presidente dos EUA, Mike Pence, falou por telefone com o presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, e manifestou apoio a ele e à Assembleia Nacional, que não reconhecem o ditador Nicolás Maduro como presidente do país. Pence compartilhou o resumo da conversa, que diz: “o vice-presidente Mike Pence falou por telefone hoje com Juan Guaidó, presidente da Assembleia Nacional da Venezuela, para reconhecer sua liderança corajosa, após sua prisão e intimidação esta semana, e para expressar o firme apoio dos Estados Unidos à Assembleia Nacional da Venezuela, como o único corpo democrático legítimo no país. O vice-presidente enfatizou firmemente que, já há muito tempo, o objetivo dos EUA e de todas as nações amantes da liberdade é de restaurar a democracia na Venezuela através de eleições livres e justas, e encerrar as crises econômica e humanitária na terra, que um dia já foi rica, de Bolívar. O vice-presidente Pence encorajou Guaidó a construir uma unidade entre grupos políticos e ofereceu apoio contínuo dos EUA até que a democracia seja restaurada”. 

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

URGENTE: Assembleia Nacional da Venezuela declara que Maduro é usurpador do cargo

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
A Assembleia Nacional da Venezuela aprovou uma resolução em que declarou formalmente que o ditador Nicolás Maduro usurpou a Presidência da República. O documento declara a nulidade de todos os atos de Maduro e determina a adoção de medidas para instalar um governo de transição e convocar eleições livres. 

Bolsonaro escolhe general Rêgo Barros como porta-voz da Presidência

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O presidente Jair Bolsonaro escolheu o general Otávio Santana do Rêgo Barros para porta-voz da Presidência da República. A informação foi confirmada ontem (14) pela Secretaria de Governo.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...