segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Petições pelo impeachment de Gilmar Mendes aproximam-se de um milhão de assinaturas

Imagem: Reprodução
A decisão do ministro Gilmar Mendes, do STF, de soltar presos de seu círculo íntimo revoltou internautas e deu amplo impulso a petições virtuais que pedem o impeachment do ministro. Enquanto uma petição que já existia ganhou impulso e passou de 725 mil assinaturas, uma outra petição, dirigida ao presidente do Senado, amealhou quase 237 mil apoios.  Embora seja possível a uma mesma pessoa votar em ambas, as duas petições continuam recebendo apoios muito rapidamente e muitos apoiadores desconhecem o fato de haver mais de um abaixo-assinado. O abaixo-assinado mais antigo pode ser acessado neste link, e o mais recente, neste link

domingo, 20 de agosto de 2017

'O Congresso precisa parar de legislar olhando para o próprio umbigo. O povo vai acabar marchando para cima deste Congresso!', alerta Levy Fidelix

Imagem: Produção Ilustrativa / Gazeta Social
A proposta de criação de um fundo para campanhas, aprovada em comissão especial da Câmara, voltou a receber duras críticas do presidente do PRTB, Levy Fidelix: "Essa reforma política está sendo uma coisa louca. Já estamos falidos, quebrados. Como pode o Congresso querer 3 bilhões e seiscentos mil para fazer eleição? Não é para política partidária, não. É só para a eleição. Em 45 dias apenas, vão gastar R$ 3,6 bilhões. E o povo passando aperto de toda ordem, com fome,  miséria, toda ordem de problemas de segurança.  Agora, dinheiro para banco tem. 700 bilhões, um terço do nosso orçamento, são para os bancos. As nossas Forças Armadas sucateadas, sem orçamento. E o Congresso, não acorda? Parece que está em outro país! Em outro mundo!". Assista ao vídeo:

'Estudantes' ofereceram a Lula 'título' de doutor com erro crasso de Português

Imagem: Reprodução / Twitter Emir Sader
O ex-presidente e candidato Lula, em sua viagem de campanha antecipada, recebeu uma homenagem de alunos da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia. Os alunos improvisaram um "título" de doutor honoris causa assinado por eles mesmos. No entanto, o que realmente chamou a atenção, na fotografia postada pelo petista Emir Sader, foi o erro de grafia no termo "discentes", grafado como "dicentes". 

Gilmar Mendes inaugura nova fase da política de celas vazias, diz colunista: 'Aboliu-se o recato'

Imagem:  MPF - RJ
O colunista Josias de Souza, em texto ácido, faz um retrato da "nova fase" inaugurada por Gilmar Mendes na Lava Jato. A política de "celas vazias", segundo o colunista, "é muito parecida com as fases anteriores. A diferença é que já não há a necessidade de maneirar. Aboliu-se o recato". O colunista alerta: "Até os mortos farejam o cheiro de queimado. Vem aí a revogação da decisão do Supremo que permitiu passar os corruptos na chave após a confirmação das condenações na segunda instância do Judiciário".

'Gilmar Mendes demora em média 22 dias para examinar liminarmente um habeas corpus. No caso de Barata, demorou 1 dia', ataca Deltan Dallagnol, procurador da Lava Jato

Imagem: Reprodução
O procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Lava Jato, expressou estranheza com a celeridade com que Gilmar Mendes julgou dois habeas corpus em favor de um amigo: "Gilmar Mendes demora em média 22 dias para examinar liminarmente um habeas corpus. No caso de Barata, demorou 1 dia".

'O povo nordestino também já abandonou Lula, isso é inegável', diz Roberto Jefferson após fracasso completo de ato de Lula no Nordeste

Imagem: Produção Ilustrativa / Gazeta Social
O presidente do PTB, Roberto Jefferson, comentou a "caravana de Lula", em que o ex-presidente faz campanha eleitoral antecipada em várias cidades do Nordeste: "Lula discursou hoje para uma 'multidão' de 1.500 pessoas no Recôncavo Baiano. O povo nordestino também já abandonou Lula, isso é inegável. Os fanáticos adoradores de Lula dizem que ele é visto como um Deus no Nordeste. O que parece de fato é que o povo vê Lula como o coisa ruim".

'Furando a fila da Previdência, ex-presidenta?', indaga Sheherazade sobre fraude de Dilma no INSS

Imagem: Produção Ilustrativa / Gazeta Social
Embora todos os brasileiros já soubessem que a aposentadoria da presidente deposta Dilma foi concedida de forma irregular, uma sindicância interna do governo confirmou a fraude. A jornalista Rachel Sheherazade alfinetou: "Furando a fila da Previdência, EX-presidentA?!".
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...