quinta-feira, 18 de julho de 2019

Bolsonaro sanciona lei para comunidade autista e Mion comemora: ‘vitória sem precedentes’

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O presidente Jair Bolsonaro sancionou hoje a Lei 13.861/2019, que inclui dados específicos sobre o autismo no Censo do IBGE. A primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e o apresentador Marcos Mion participaram da cerimônia de assinatura da lei. Mion, que tem um filho autista e representava a comunidade de autistas e familiares, afirmou que é uma “vitória sem precedentes” para a comunidade, um reconhecimento pelo qual as famílias lutam há décadas. 

Brasil se consolidou como promotor da democracia na América do Sul, diz ministro de Bolsonaro

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, comemorou o sucesso da Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul, que considerou fundamental para consolidar o papel do Brasil no Mercosul como centro propulsor de integração aberta e crescimento econômico, e promotor da democracia na América do Sul. Araújo falou também sobre os objetivos do Brasil na XXIV Reunião do Conselho de Ministros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, de que participará em Cabo Verde.

quarta-feira, 17 de julho de 2019

Procuradores pedem que Plenário do STF reverta rapidamente decisão de Toffoli

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
A decisão do ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal, de suspender investigações e processos judiciais com origem em dados de órgãos de controle, causou a reação de procuradores em todo o País. Além de manifestações individuais, houve também a divulgação de notas públicas por parte da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) e das forças-tarefas das operações Greenfield e Lava Jato em Curitiba, São Paulo e Rio de Janeiro. Os procuradores pedem que a decisão de Toffoli seja revista pelo Plenário do Supremo com a maior urgência possível, já que põe em risco investigações de crime organizado em todo o país. 

Paulo Guedes fala sobre novo papel do Mercosul depois de ter sido usado como ferramenta ideológica

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O ministro da Economia, Paulo Guedes, está na comitiva do presidente Jair Bolsonaro, que foi a Santa Fé, na Argentina, para participar da 54ª Cúpula do Mercosul, quando o Brasil assumirá a presidência pró-tempore do Bloco. Paulo Guedes explicou que o governo Bolsonaro vem acelerando as conversas com os países do Mercosul para buscar mais integração à frente do bloco, superando a dominação ideológica do bloco para transformá-lo em um instrumento de desenvolvimento. 

Bolsonaro anuncia venda de cinco aviões da Embraer para Portugal

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O presidente Jair Bolsonaro anunciou ontem (16), por meio de sua conta pessoal no Twitter, a venda de cinco aeronaves da Embraer, modelo KC-390, para a Força Aérea Portuguesa. Esta é a primeira venda desse novo modelo para um país europeu.

terça-feira, 16 de julho de 2019

‘Decisão de Toffoli é uma monstruosidade jurídica’, diz ex-decano da Lava Jato

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O procurador aposentado Carlos Fernando dos Santos Lima, ex-decano da força-tarefa Lava Jato em Curitiba, lamentou a decisão do ministro Dias Toffoli, que suspendeu todos os inquéritos instaurados sem decisão judicial prévia, a partir de dados oriundos de órgãos de controle como o Coaf e a Receita Federal. Carlos Fernando dos Santos Lima disse: “A decisão de Toffoli é uma monstruosidade jurídica e só pode ser entendida como mais um atentado contra o combate à corrupção. Triste o país que tem pessoas como ele em posições que não merecem”. Lima acrescentou: “A decisão de Toffoli é a mais irresponsável de todas as decisões absurdas e desqualificadas que temos visto em todos esses anos…”.

Moro alerta velha imprensa sobre desmoralização: ‘essa campanha contra a Lava Jato e a favor da corrupção está beirando o ridículo’

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, em licença não-remunerada para descansar, ironizou mais uma tentativa frustrada de denegrir o trabalho da força-tarefa da Lava Jato e seu próprio trabalho quando era juiz da 13ª Vara Federal. Moro disse: “Sou grande defensor da liberdade de imprensa, mas essa campanha contra a LavaJato e a favor da corrupção está beirando o ridículo. Continuem, mas convém um pouco de reflexão para não se desmoralizarem. Se houver algo sério e autêntico, publiquem por gentileza”.

segunda-feira, 15 de julho de 2019

‘Quem espalha que vamos de mal a pior manifesta um desejo, não a realidade’, diz Bolsonaro

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O presidente Jair Bolsonaro apontou algumas das realizações de seu governo e respondeu aos “arautos do fim do mundo”. Pelas redes sociais, Bolsonaro disse: “Fechamos o maior acordo comercial de nossa história, demos grande passo para ingresso na OCDE, retomamos obras iniciadas há décadas, realizamos várias concessões com retorno acima do esperado, otimizamos o combate às fraudes no INSS e seguro-defeso, reduzimos o preço da CNH… Quebramos monopólios, diminuímos burocracias. O Brasil bateu recordes em apreensão de drogas e reduziu consideravelmente os homicídios. Isso em apenas 7 meses. Quem espalha que vamos de mal a pior manifesta um desejo, não a realidade. Estamos mudando o Brasil para melhor!”.

domingo, 14 de julho de 2019

Ex-decano da Lava Jato critica comportamento de jornal: ‘parecem porcos a se refestelarem na lama’

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O procurador aposentado e ex-decano da Lava Jato Carlos Fernando dos Santos Lima utilizou as redes sociais para comentar o esforço de setores da velha imprensa para prejudicar a imagem da força-tarefa e do ministro Sérgio Moro. Lima disse: “Me sinto enojado com a forma sórdida e infame que a Folha de São Paulo tem se comportado ao veicular mensagens que reconhece de origem criminosa e sem garantia de autenticidade. Parecem porcos a se refestelarem na lama”.

sábado, 13 de julho de 2019

General Heleno retruca jornalista da VEJA: 'desinformado, mal-intencionado e redige com parcialidade'

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O general Augusto Heleno, ministro do Gabinete de Segurança Institucional do Governo Bolsonaro, respondeu a um artigo publicado na revista Veja. No artigo, o jornalista Ricardo Noblat ironizava uma declaração do general, que afirmou, à Comissão de Relações Exteriores da Câmara, ter vergonha do salário de um general do Exército Brasileiro. Interpretando a declaração do general sobre o salário pago aos ocupantes de seu mais alto posto após décadas de dedicação ao serviço como uma reclamação sobre os próprios proventos, o jornalista atacou o general dizendo que ele recebe salário como ministro e ganha mais do que uma grande parcela da população brasileira. O General Heleno retrucou o jornalista, criticando a parcialidade e a desinformação do artigo. 

‘Estou questionando se é certo abandonar os eleitores’, diz Janaína Paschoal sobre Eduardo Bolsonaro

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
A jurista Janaína Paschoal publicou reflexões sobre a possibilidade de o presidente Jair Bolsonaro nomear seu próprio filho, Eduardo Bolsonaro, para o cargo de embaixador do Brasil nos Estados Unidos. Janaína, que é a parlamentar com mais votos da História do Brasil, lembra que parlamentares eleitos têm responsabilidades com o povo que os elegeu. 

sexta-feira, 12 de julho de 2019

Trump declara que a era da censura da internet terminou

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, realizou um fórum sobre a censura das mídias sociais por parte das grandes empresas. Trump recebeu na Casa Branca comunicadores que foram censurados, além de senadores e deputados que se preocupam com a causa. Durante o evento, Trump afirmou que sua Administração tomará todas as medidas legais e regulatórias para garantir a liberdade de expressão em seu país.

Bolsonaro reconhece censura nas redes sociais e defende liberdade de expressão

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O presidente Jair Bolsonaro fez uma live ao lado do apóstolo Valdemiro Santiago e do deputado José Olímpio Silveira Moraes. Bolsonaro afirmou que, em nome da transparência, pretende transmitir as audiências que conceder. O pastor Valdemiro Santiago afirmou que a visita tinha por objetivo reiterar o apoio ao governo, entendendo que a igreja deve contribuir para o País. 

quinta-feira, 11 de julho de 2019

MPF propõe Ação Civil Pública para proibir o Facebook de censurar cidadãos

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O Ministério Público Federal (MPF) em Goiás ajuizou, nesta quinta-feira (11), Ação Civil Pública (ACP) com pedido de liminar para evitar que o 'Facebook Serviços Online do Brasil'  atue de forma arbitrária e seletiva ao aplicar sanções e bloqueios a seus usuários no Brasil. Desde 2017, o MPF vem apurando ações ou omissões ilícitas da rede social nas diversas práticas de censura a usuários brasileiros (cidadãos, entidades públicas e privadas, organizações e movimentos sociais etc.) por motivações de origem, raça, sexo, cor, idade, religião, política, entre outras.

Justiça rejeita denúncia de Patrícia Lélis contra Eduardo Bolsonaro

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O titular do 3o. Juizado Especial Criminal de Brasília rejeitou denúncia em representação criminal movida pela suposta jornalista Patrícia de Oliveira Souza Lélis contra o deputado federal Eduardo Bolsonaro, na qual ela acusava o parlamentar dos crimes de injúria e ameaça.

quarta-feira, 10 de julho de 2019

Grupo de trabalho retira prisão em segunda instância do pacote anticrime de Moro

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O grupo de trabalho da Câmara dos Deputados que estuda os projetos anticrime do governo Bolsonaro decidiu retirar do pacote uma de suas principais propostas, a prisão após condenação em segunda instância. Por 7 votos a 6, esse item foi retirado do relatório do Capitão Augusto. Votaram pela retirada da prisão em segunda instância os deputados Fábio Trad, Lafayette Andrada, Marcelo Freixo, Margarete Coelho, Orlando Silva, Paulo Abi-Ackel e Paulo Teixeira. Os deputados alegaram que a mudança precisaria ser feita através de proposta de emenda à Constituição. 

terça-feira, 9 de julho de 2019

Audiência de custódia é ‘mais um instrumento bandidólatra criado em detrimento do contribuinte, das vítimas, dos policiais e do Brasil’, diz juíza

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
A juíza Ludmila Lins Grilo, através das redes sociais, explicou os equívocos jurídicos envolvidos na criação e manutenção das audiências de custódia. Segundo a juíza, a alegação de que as audiências de custódia seriam obrigatórias por imposição de pactos internacionais é simplesmente uma mentira. Para a juíza, a audiência de custódia, além de inconstitucional, “é mais um instrumento bandidólatra criado em detrimento do contribuinte, das vítimas, dos policiais civis e militares, e, em última ratio, do Brasil”. 

Bolsonaro comemora quebra do monopólio da Petrobras no setor de gás

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O presidente Jair Bolsonaro comemorou, pelas redes sociais, a quebra do monopólio da Petrobras no setor de gás. A estatal assinou um termo de compromisso de cessação de condutas anticompetitivas após investigações realizadas pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Bolsonaro disse: “Mais um grande passo rumo à liberalização e à maior competitividade da economia brasileira: o Conselho da Petrobrás e o CADE aprovaram hoje a quebra do monopólio da Petrobrás no setor de gás e a abertura do mercado desse importante insumo. Estudos da equipe econômica estimam que a medida gerará milhares de empregos em diversos setores (como construção civil, cerâmica, vidro e químico) e levará à redução em até 50% do preço do gás no longo prazo, com uma queda significativa já nos próximos 12 meses”.

segunda-feira, 8 de julho de 2019

Carlos Bolsonaro critica grande mídia por ignorar publicações do Pavão Misterioso

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O vereador Carlos Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro, questionou os critérios da velha imprensa ao publicar supostas conversas obtidas de forma criminosa, mas ignorar revelações feitas pelo perfil “Pavão Misterioso” no último domingo. Carlos Bolsonaro questionou: “O ‘Pavão Misterioso’ trouxe novas revelações neste domingo! Os grandes órgãos de imprensa darão a devida importância aos fatos ou só vale mais uma vez quando é contra o governo Bolsonaro? Pelo que leio, ignoram. Isso já diz muito! Bom final de dia e até logo!”. 

domingo, 7 de julho de 2019

‘É sério isso?’, ironiza Moro sobre nova ‘revelação’ da Folha de S. Paulo

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, ironizou mais uma tentativa de criar narrativas com base em supostos diálogos que teriam sido hackeados por criminosos. Na última “revelação” do site Intercept, em parceria com a Folha de S. Paulo, a Lava Jato teria “tramado o vazamento de delação para interferir na política da Venezuela após sugestão de Sérgio Moro”. 

sábado, 6 de julho de 2019

‘O balanço de nossa participação no G20 não poderia ser melhor’, diz assessor de Bolsonaro

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O assessor especial da presidência, Filipe Martins, publicou um breve balanço dos resultados da participação brasileira na reunião do G20, que reúne as 20 maiores economias do mundo. Segundo o assessor, o balanço “não poderia ser melhor”. Martins atribui os bons resultados à determinação do governo Bolsonaro “de fazer da diplomacia um instrumento potente de abertura, modernização e fortalecimento do nosso país”. 

Após volta do ‘Pavão Misterioso’, procuradores lembram que materiais hackeados precisam ser submetidos às autoridades

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
Após o perfil “Pavão Misterioso” divulgar supostos prints do celular do deputado David Miranda, com conversas que, se verdadeiras, comprometeriam gravemente os membros do site Intercept e políticos do PSOL, procuradores lembraram a necessidade de que todos os materiais sejam apresentados a autoridades para que sejam periciados. Os procuradores lembram que “garantias de autenticidade” feitas por quem tem interesse na divulgação não são suficientes para atestar a veracidade de informações.

quinta-feira, 4 de julho de 2019

‘Enquanto o ministro Sérgio Moro era atacado na Câmara, Palocci fazia revelações bombásticas’, diz senador Lasier Martins

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O senador Lasier Martins utilizou a tribuna do Senado para falar sobre o depoimento do ex-ministro Antonio Palocci à CPI do BNDES. Martins lembrou que há muito se tenta abrir a caixa-preta do BNDES e que, enquanto Palocci fazia revelações assombrosas sobre o uso do banco pelos governos petistas, a Câmara atacava o ministro Sérgio Moro. 

Comissão especial aprova texto-base e reforma da Previdência dá um passo na Câmara

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
Seis meses depois de enviada à Câmara dos Deputados, a proposta de reforma da Previdência proposta pelo governo Jair Bolsonaro avançou um passo. O texto-base do relatório produzido pelo relator, deputado Samuel Moreira, foi aprovado por 36 votos a 13 na comissão especial. A comissão segue reunida para votar destaques ao texto. Após a aprovação, o texto seguirá para o plenário da Casa para votação em dois turnos. 

quarta-feira, 3 de julho de 2019

Palocci confirma que Lula usou o BNDES para dar R$ 500 bilhões às ‘campeãs nacionais’ e conseguir propina para financiar campanhas

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O ex-ministro Antonio Palocci prestou depoimento à CPI do BNDES ontem, a portas fechadas, e confirmou que o ex-presidente Lula utilizou o banco de desenvolvimento para o financiamento de países “amigos” do PT e que escolhia as empresas “campeãs nacionais” para receberem recursos praticamente ilimitados e, em contrapartida, gerar propina para o partido e seus aliados, financiando campanhas eleitorais no Brasil e no exterior. 

terça-feira, 2 de julho de 2019

Leitura do parecer complementar da Previdência está marcada para hoje

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
A comissão especial da reforma da Previdência (PEC 6/19) na Câmara dos Deputados volta a se reunir na tarde de hoje (2) para a apresentação do voto complementar do relator, deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), com algumas modificações no seu relatório. A possível reinclusão de estados e municípios na proposta ainda está em negociação.

Senado arquiva investigação de fraude na eleição para a Presidência da Casa

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
Quase cinco meses após a eleição da Mesa Diretora do Senado o corregedor da Casa, senador Roberto Rocha (PSDB-MA) decidiu arquivar a investigação aberta para analisar suposta fraude na eleição para a presidência da Casa, em fevereiro. À época a primeira votação foi anulada depois que 82 cédulas foram apuradas na urna, uma a mais que o total de 81 senadores.

segunda-feira, 1 de julho de 2019

Lava Jato do Rio prende procurador suspeito de receber propina em obra do metrô

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
Em um desdobramento da operação Lava Jato no Rio de Janeiro, a Polícia Federal (PF) cumpriu na manhã de hoje (1º) um mandado de prisão temporária contra o procurador do estado Renan Saad. Ele é suspeito de receber mais de R$ 1 milhão em propina para dar parecer de interesse do Consórcio Rio Barra, responsável pela obra da Linha 4 do metrô da capital fluminense, que liga a zona sul à Barra da Tijuca, na zona oeste.

Lula foi condenado com base em ‘farto material probatório’, diz força-tarefa da Lava Jato

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
A força-tarefa da Lava Jato divulgou uma nota pública para esclarecer fatos relativos à condenação do ex-presidente Lula no caso do tríplex. Os procuradores responderam a uma publicação do jornal Folha de S. Paulo, baseada em supostas mensagens que teriam sido hackeadas de celulares de procuradores. Na nota, a força-tarefa esclarece que os processos criminais envolvem uma grande variedade de provas. 

sábado, 29 de junho de 2019

Senado pode votar esta semana projeto que obriga preso a ressarcir gastos com prisão

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
Pode ser votado na próxima semana, no Plenário do Senado, o projeto que obriga o preso a ressarcir os gastos do Estado com sua manutenção. O PLS 580/2015 chegou a entrar na pauta do Plenário em maio, mas voltou à Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), onde foi aprovado com alterações.

Modesto Carvalhosa convoca a população para as manifestações do dia 30

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O jurista Modesto Carvalhosa divulgou um vídeo em que convoca a população para participar das manifestações marcadas para este domingo, dia 30 de junho. No vídeo, o jurista lembra que, ao fim de um semestre, o Congresso ainda não votou os mais importantes projetos enviados pelo governo. Na descrição do vídeo, Carvalhosa diz: “Amanhã, dia 30, clamaremos por um país livre da cleptocracia, apoiando a Lava Jato e as medidas anticorrupção. Contamos com o engajamento de cada um de vocês”.

sexta-feira, 28 de junho de 2019

Paulo Guedes faz apelo emergencial por apoio de Governadores para a Reforma da Previdência

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O ministro da Economia, Paulo Guedes, participou de um encontro com o presidente do senado, Davi Alcolumbre, e o líder do governo, senador Fernando Bezerra Coelho. Eles falaram sobre a tentativa de estados e municípios de ficarem fora da reforma da Previdência e pediram o apoio dos governadores. Paulo Guedes explicou: “estamos aí lutando juntos para incluir estados e municípios, porque é importante para as finanças deles também” 

quinta-feira, 27 de junho de 2019

CNMP arquiva reclamação disciplinar contra Deltan Dallagnol por mensagens hackeadas

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
A Corregedoria Nacional do Ministério Público arquivou reclamação disciplinar contra o coordenador da força-tarefa da Lava Jato, Deltan Dallagnol. A reclamação era baseada na divulgação de supostas mensagens de procuradores e do então juiz da Lava Jato, o atual ministro Sérgio Moro. Segundo a decisão, as supostas conversas não podem ser aceitas como base para uma investigação, já que têm origem ilícita e podem ter sido manipuladas, mas, além disso, o exame dos conteúdos divulgados não mostra nenhum ilícito funcional. 

‘O presidente do Brasil que está aqui não é como alguns anteriores que vieram para ser advertidos por outros países’, diz Bolsonaro

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
Ao desembarcar hoje (27) em Osaka, no Japão, para a reunião de Cúpula do G20, o presidente Jair Bolsonaro disse que a Alemanha tem muito a aprender com o Brasil na área de meio ambiente. Bolsonaro fez o comentário rebatendo declaração da chanceler alemã, Angela Merkel, que disse querer conversar com ele sobre o desmatamento no Brasil.

Na chegada ao Japão, populares fazem fila para tirar fotos com Bolsonaro

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O presidente Jair Bolsonaro publicou, em suas redes sociais, um vídeo de sua chegada ao Japão, onde participará do encontro do G-20. Ao chegar ao país, Bolsonaro recebeu o carinho das pessoas, que fizeram fila para tirar fotografias com o “mito”. O presidente também confirmou que fará sua live semanal esta noite. 

quarta-feira, 26 de junho de 2019

Senado aprova ‘abuso de autoridade’ contra juízes e procuradores

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O plenário do Senado aprovou o projeto que visa censurar e perseguir juízes e procuradores, criminalizando o “abuso de autoridade”.  O “jabuti” foi incluído no projeto de iniciativa popular das 10 Medidas Contra Corrupção, que foi completamente desfigurado pela Câmara. A versão deformada das 10 medidas também foi aprovada pelos senadores. 

271 juízes federais assinam moção de apoio a Sérgio Moro

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
Um grupo de 271 juízes federais elaborou uma moção de apoio ao ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, após a tentativa de se criar um escândalo com a divulgação de supostas mensagens entre ele e procuradores. As mensagens teriam sido obtidas através da ação criminosa de hackers e não foram submetidas às autoridades. 

2ª Turma do STF rejeita proposta de Gilmar Mendes para libertar Lula

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) analisou nesta terça-feira (25) dois pedidos em habeas corpus do ex-presidente Lula. Os dois habeas corpus tratavam do processo em que Lula foi condenado por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex do Guarujá. 

terça-feira, 25 de junho de 2019

‘Você pensa que as coisas são sérias neste país? A verdade é bem outra’, diz ex-procurador da Lava Jato

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O procurador aposentado Carlos Fernando dos Santos Lima, pelas redes sociais, alertou sobre os esforços que estão sendo empreendidos em conjunto para destruir a Lava Jato. Nesta manhã, o procurador alertou: “Não se iludam com recuos estratégicos de quem quer destruir a Lava Jato. A farsa vai continuar, só estão esperando passar o dia 30 para voltar atacar. As frentes são bem claras. Na imprensa, vão continuar usando material apócrifo de origem criminosa. No STF vão tentar conceder habeas corpus para Lula e outros condenados por corrupção. No Congresso, vão insistir em aprovar a lei de abuso de autoridade, mentindo inclusive que isso é parte do projeto das 10 Medidas contra a Corrupção. No Conselho Nacional do Ministério Público, vão tentar punir Deltan por qualquer coisa irrelevante, já que nada de real existe contra ele. Você pensa que as coisas são sérias neste país? A verdade é bem outra. Seja qual for a forma, nem que seja criminosa, como vimos agora com a violação da comunicação de autoridades, o sistema, ou o mecanismo, como alguns preferem, vai tentar sobreviver”.

'Colocar Lula na rua é escarrar no rosto do País', diz Magno Malta: 'esse país vai parar'

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O ex-senador Magno Malta divulgou um vídeo comentando a decisão da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal, de iniciar o julgamento de dois habeas corpus do ex-presidente Lula, após o ministro Gilmar Mendes sugerir soltar o condenado para que aguarde a decisão em liberdade. Na descrição do vídeo, Malta afirma: “Estou muito preocupado com essa sessão do STF. Se soltarem o Lula, esse país vai parar”. 

segunda-feira, 24 de junho de 2019

‘A Folha de S. Paulo acabou por se revelar um pigmeu moral que come nas mãos d'A Interceptadora' e do crime organizado’, diz ex-procurador da Lava Jato

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O procurador aposentado Carlos Fernando dos Santos Lima, que era considerado o decano da Lava Jato enquanto estava na ativa, comentou, em suas redes sociais, diversos aspectos da participação do jornal Folha de S. Paulo na divulgação de supostas conversas entre procuradores e o ministro Sérgio Moro. 

domingo, 23 de junho de 2019

Moro ironiza tentativas de forjar escândalos: ‘a montanha pariu um rato’

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, ironizou as tentativas de setores da velha imprensa de criar um escândalo a partir da divulgação de supostas conversas entre ele e procuradores da força-tarefa da operação Lava Jato. Em suas redes sociais, Moro publicou a seguinte mensagem: “Um pouco de cultura. Do latim, direto de Horácio, parturiunt montes, nascetur ridiculus mus”. A frase latina costuma ser traduzida como “a montanha pariu um rato”. 

sábado, 22 de junho de 2019

Em viagem à cidade onde cresceu, Bolsonaro vive momentos emocionantes com amigo de infância e com sua família

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
Em sua visita à cidade de Eldorado Paulista, onde passou a infância, o presidente Jair Bolsonaro reencontrou um amigo de infância. Por motivos de saúde, Gerson foi levado de carro ao encontro do amigo, que conversou com ele e sua irmã no próprio carro, relembrando momentos da infância e amigos em comum. 

sexta-feira, 21 de junho de 2019

‘Além de desrespeitosa, mentirosa e sem contexto, a publicação de Reinaldo Azevedo não realizou a devida apuração’, dizem procuradores

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
A força-tarefa da Lava Jato em Curitiba divulgou uma nota pública para desmentir jornalista que, reapresentando como novidade supostas conversas que já haviam sido divulgadas, afirmou que uma procuradora teria sido afastada da atuação no processo contra o ex-ministro Antônio Palocci, por orientação do ministro Sérgio Moro. Na nota, a força-tarefa mostra que a procuradora nunca foi afastada, o que pode ser notado com uma simples conferência do processo. A nota diz que o jornalista, sem realizar a devida apuração,  “de modo tendencioso, tentou criar artificialmente uma realidade inexistente para dar suporte a teses que favoreçam condenados por corrupção e lavagem de dinheiro na Lava Jato”.

quinta-feira, 20 de junho de 2019

‘Uma total inversão de valores colocou um herói nacional frente a frente com indiciados e condenados’, diz General Heleno sobre Moro no Senado

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O General Augusto Heleno utilizou as redes sociais para comentar a audiência pública em que o ministro Sérgio Moro falou a senadores na Comissão de Constituição e Justiça do Senado, após a divulgação de supostas conversas, montadas a partir de materiais obtidos ilegalmente pelo hackeamento de celulares de procuradores. 

Pelas redes sociais, Moro agradece aos senadores pela oportunidade de falar sobre a invasão criminosa de celulares e sua divulgação sensacionalista

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O ministro de Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, se manifestou hoje, pelas redes sociais, sobre a sessão da Comissão de Constituição e Justiça do Senado, onde respondeu a questionamentos dos senadores por mais de oito horas, após a divulgação de supostas conversas, montadas a partir do hackeamento de celulares de membros do Ministério Público. Em sua mensagem, Moro agradeceu aos senadores pela “oportunidade para esclarecer os fatos alusivos à invasão criminosa dos celulares de agentes públicos e a sua divulgação sensacionalista”.

quarta-feira, 19 de junho de 2019

Proposta de desarmar seguranças de senadores dispara e atinge os apoios necessários para ser analisada pela Casa

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
Após a votação do Senado que sustou o decreto de armas do presidente Jair Bolsonaro, disparou o número de votos em uma Ideia Legislativa no site da Casa. A proposta pede o desarmamento das polícias legislativas e seguranças da Câmara, Senado e STF. A Ideia Legislativa pode ser consultada neste link

terça-feira, 18 de junho de 2019

Bolsonaro ‘alfineta’ senadores que ignoraram o povo: ‘Nem todo mundo possui condição de ter seguranças armados’

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O presidente Jair Bolsonaro, pelas redes sociais, lamentou a decisão do Senado, que ignorou os apelos da população e suspendeu o decreto que flexibilizava a posse de armas. Bolsonaro “alfinetou” os senadores, que,  tendo segurança armada paga pelos contribuintes, recusam aos cidadãos o direito à defesa. O presidente questionou: “Quem deixa de ter acesso a armas de fogo com leis de desarmamento, o cidadão que quer apenas se proteger ou o criminoso, que, por definição, não segue as leis? O direito à legítima defesa não pode continuar sendo violado! Nem todo mundo possui condição de ter seguranças armados”.

segunda-feira, 17 de junho de 2019

‘Neste circo criminoso armado pela esquerda contra a Lava Jato, chegou a piada que faltava’, diz Delegado Francischini

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O deputado estadual Delegado Francischini chamou de “a piada que faltava” a iniciativa do “Coletivo Advogadas e Advogados pela Democracia” de protocolar uma notícia-crime contra o ministro Sérgio Moro e procuradores da força-tarefa da Lava Jato, com base nas conversas hackeadas publicadas por um site. Em vídeo, o deputado cobrou a investigação dos crimes contra o ministro e os procuradores, e lembrou: “O Brasil está do lado da Lava Jato”. 

Bolsonaro diz que governo avalia reduzir impostos de computadores, celulares e games

Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O presidente Jair Bolsonaro disse ontem (16) que o governo federal estuda a possibilidade de reduzir impostos cobrados sobre a importação de produtos do setor de tecnologia da informação, entre eles, computadores e celulares. Por meio de sua conta no Twitter, Bolsonaro afirmou que a redução poderia ser de 16% para 4%. 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...