terça-feira, 19 de março de 2019

‘Soa como um aviso de que quem ousar questionar um ministro do STF poderá ser perseguido com todo o rigor’, alerta Janaína Paschoal


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
A jurista Janaína Paschoal, da tribuna da Assembleia Legislativa de São Paulo, apontou os inúmeros problemas com o inquérito sigiloso instaurado pelo Supremo Tribunal Federal para investigar fatos e pessoas indefinidas. Janaína apontou que o inquérito foi anunciado no mesmo dia em que a Corte tomou uma decisão que favorece a impunidade no País e alertou: “fica a sensação, ruim, de que é um aviso para que ninguém questione nenhum ministro do Supremo Tribunal Federal”. A deputada estadual afirmou que, simbolicamente, subscreve o requerimento do senador Alessandro Vieira que pede a  instalação da CPI da Lava Toga: “não podemos mais tardar nessa investigação”. 

Assista:


Leia também: 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...