segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

Tribunal controlado por Maduro diz que ‘desconhece’ a Assembleia Nacional eleita pelos venezuelanos


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O Tribunal Supremo de Justiça, composto por membros nomeados pelo ditador Nicolás Maduro, declarou que desconhece a Assembleia Nacional eleita pelos venezuelanos. A “sentença” foi enviada ao Ministério Público e ao presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó. 

Ouça: 


Rocío San Miguel, presidente do Controle Cidadão para a Segurança, a Defesa e a Força Armada Nacional da Venezuela e defensora dos direitos humanos, lamentou. Para ela, “o pronunciamento da Sala Constitucional do Tribunal Supremo de Justiça declara, finalmente, o desconhecimento de todos os poderes públicos entre si. Isso aprofunda a crise institucional de estado de direito, em meio a um cataclisma econômico e social”. 

Leia também: 

O presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, minimizou a sentença. Participando de uma das inúmeras manifestações que vêm se repetindo a cada dia, afirmou que “a força da Assembleia Nacional, única instituição legítima, eleita pelo povo venezuelano, está aqui nas ruas”. E acrescentou: “os que estão à margem da lei são os usurpadores, os que não têm votos”. 

Veja também: 









Gazeta Social
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...