domingo, 28 de abril de 2019

Transparência Internacional pede que COAF seja mantido no Ministério da Justiça


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
A entidade Transparência Internacional pediu ao presidente Jair Bolsonaro que mantenha o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF) no Ministério da Justiça e Segurança Pública, sob o comando do ministro Sérgio Moro. Segundo a Transparência Internacional, a saída do COAF desse ministério “representará um retrocesso na luta contra a corrupção e passará uma mensagem muito ruim sobre o comprometimento do governo com essa agenda”. 

Ouça: 


Leia a mensagem da Transparência Internacional: 

A saída do COAF do Ministério da Justiça e Segurança Pública, se confirmada, representará um retrocesso na luta contra a corrupção e passará uma mensagem muito ruim sobre o comprometimento do governo com essa agenda.
Leia também: 

O COAF é a unidade de inteligência financeira do Brasil e responsável,  inclusive, por analisar indícios de lavagem de dinheiro no país.
No começo do ano, o COAF foi transferido do então Min. da Fazenda para o  MJSP e sua estrutura foi fortalecida: dobrou o número de funcionários e melhorou a integração com outras áreas da pasta.
A transferência do COAF do MJSP para o Min. da Economia pode passar a mensagem que o governo não está disposto a "investigar quem quer que seja, sem exceções".
Pedimos que o presidente Jair Bolsonaro não considere essa alteração e mantenha o COAF no MJSP!
Veja também: 








Gazeta Social
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...