terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

Maduro detém e deporta jornalistas internacionais após se irritar com entrevista


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O jornalista Jorge Ramos, da Univisión, foi detido, juntamente com sua equipe, pelas forças de segurança leais a Maduro durante uma entrevista com o ditador. Os jornalistas ficaram detidos no palácio e tiveram seus equipamentos e celulares confiscados, e posteriormente foram deportados. A filha de Jorge Ramos, Paola Ramos, informou que o jornalista disse que, após 15 minutos de entrevista, Maduro interrompeu a conversa e manteve Ramos e outros jornalistas em um quarto escuro por 2 horas e meia, e depois o liberou sem nenhum de seus pertences. 


Ouça: 


Em dois vídeos divulgados pela internet, o jornalista relata: “Eu conduzi uma entrevista com Nicolás Maduro. Perguntei se devia chamá-lo ditador ou presidente, já que milhões de venezuelanos não o consideram seu presidente.  No final, eu mostrei um vídeo que eu mesmo tinha filmado, de três garotos pegando comida de um caminhão de lixo. E  ele simplesmente não conseguiu continuar. Ele tentou fechar a câmera, disse que a entrevista tinha acabado. Confiscaram todas as nossas câmeras e celulares, e fomos expulsos do palácio presidencial. Antes de sairmos do palácio, me levaram para uma sala de segurança, com a produtora Maria Guzmán, onde pediram nossos celulares. Eu não quis entregar, então eles apagaram as luzes, e um grupo de agentes entrou. Tiraram com violência a minha mochila e o meu celular, fizeram o mesmo com a Maria, e nos forçaram a entregar nossos passaportes e celulares. Não sabíamos o que ia acontecer conosco, nem o que estava acontecendo com os outros jornalistas do grupo. Depois de 2 horas, eles permitiram que deixássemos o palácio presidencial. Não nos deram nosso equipamento nem nosso material, e até agora não temos o celular com o vídeo. Acho que nunca o teremos de volta. Eles não querem que o mundo veja”.

O jornalista Gabriel Bastidas publicou uma fotografia da equipe no aeroporto, sendo deportada da Venezuela. 

Leia também:

Veja também: 







Gazeta Social 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...