domingo, 7 de janeiro de 2018

'Não é calote. O dinheiro foi para não voltar!', denuncia Janaína Paschoal sobre 'empréstimos' do BNDES a ditaduras


Imagem: Produção Ilustrativa / Gazeta Social
A jurista Janaína Paschoal explica que os calotes de Venezuela, Moçambique e, possivelmente, Angola, no BNDES, não são uma surpresa: "Começam a anunciar o 'calote' de bilhões, que Venezuela, Moçambique e Angola darão no BNDES! Não é calote. O dinheiro foi para não voltar! Aproveitaram a falta de transparência de ditaduras para maquiar o desvio de recursos públicos. Lavagem Internacional!".


Leia também:
Gleisi surta porque funcionária do TRF-4 pediu a prisão de Lula nas redes sociais

Veja também:





Gazeta Social
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...